Coluna do Alchemist

Um Otaku na Escola #06

Esta é a sexta vez que faço esta coluna, por isso muito obrigado para quem leu tudo até agora. Para quem ainda não leu todas, pegue e leia as anteriores, porque muita gente se identifica e você também pode se identificar com essas histórias.

Você aí otaku! Quantas vezes já foi chamado de criança? Quantas vezes olharam para o seu mangá e perguntaram se era gibi da Turma da Mônica? Quantas vezes falaram para você largar essas coisas de criança?

Coisas desse tipo acontecem na vida de otakus mais hardcore, mas todo mundo concorda que isso irrita muito. Agora, pelo menos as pessoas começaram a se acostumar e a ver isso como uma coisa normal. Alguns fazem o que nós já estamos tão acostumados que nem ligam mais, tanto que agora muitas pessoas vão no Anime Friends só por ir, sem nem menos gostar de cultura japonesa, muito menos animes e mangás.

Tem aqueles dias onde uma pessoa que você não conhece se aproxima e pergunta:

Desconhecido: Gibi da Turma da Mônica?
Alchemist (Gabriel): Claro que não!
Desconhecido: Quantos anos você tem? Você não acha que isso é coisa de criança?
Alchemist (Gabriel): Cara, olha a idade aqui.
*Mostra a idade recomendada:*

Desconhecido: 16 anos? Isso ai deve estar bem errado, gibi é coisa de criança.
Alchemist (Gabriel): Primeiro, isso não é gibi, é mangá. Segundo, se está na capa, é verdade porque tem cenas de luta e sangue. Tem certeza que isso é para criança?
Desconhecido: Claro que é, você que não consegue admitir.
Alchemist (Gabriel): Ah, falou ai, estúpido.
Desconhecido: Pelo menos eu não sou criança.
Alchemist (Gabriel): Não fale de algo sem ao menos conhecê-lo.

Existem tantas pessoas estúpidas no mundo. Não importa o quanto você fale, ela acha que sempre vai estar certa. É assim que as pessoas se socializam, mas agora poucas pessoas são desse jeito. Pelo menos para mim, na escola não tenho mais problemas com essas coisas porque todo mundo já está acostumado a ver eu lendo um mangá.

Mudando agora totalmente de assunto. Durante a época das provas, logo depois que ela acabou, eu peguei um mangá de Slam Dunk, volumes 2 e comecei a ler. Uma hora a professora vêm até mim e pergunta:

Professora: Gabriel, deixa eu ver esse mangá?
Alchemist (Gabriel): Tudo bem, eu não ligo, tó.
Professora: Você traz mangás pra escola todo dia mesmo?
Alchemist (Gabriel): Trago.
Professora: Hum, legal, é bom ler bastante.
Aluno: Blá Blá Blá. (Não lembro nada do que ele falou)

Neste momento, a professora pega o meu mangá e vira ele totalmente ao contrário. Em vez de fechar normalmente, ela fechou só que encostando a capa na contra-capa. Basicamente meu mangá foi dividido em dois.

Professora: Gabriel, desculpa, desculpa, desculpa!!
Alchemist (Gabriel): Calma professora tudo bem.
Professora: Desculpa, mesmo.
Alchemist (Gabriel): Ok, professora tudo bem.

Obviamente eu fiquei nervoso, mas, mantive a calma e não falei nada. Além disso, não foi de propósito.

Arranjei um jeito e colei o mangá e agora nem parece que colou então tudo bem. Não guardo mágoas da professora, porque eu sei que não foi de propósito. Na hora me segurei muito.


Por isso deu pra perceber que há muitas pessoas com um certa curiosidade sobre o que eu leio. Já aconteceu muitas vezes essa parte de criança, não só na escola como lá fora também.

Mas, nós otakus, somos guerreiros, gostamos e pronto, não importando o que os outros façam ou falem. Gostamos de animes e mangás de coração. Não é porque uma certa pessoa não gosta, que você vá parar de gostar, principalmente isso com amizades, porque se seus amigos não aceitam esse seu gosto, sério, converse com eles.

Comentários

1. Gostaria, muito que comentassem, principalmente por esse ser o sexto. Eu fico realmente feliz que minha coluna esteja indo bem e que até agora teve assuntos para discutir.

2. Fullmetal é foda!

3. Algumas imagens não tiveram muito sentido, mas, como podem ver todas tem ligações com a escola.

4. Até minha próxima coluna!

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

19
Deixe um comentário

avatar
18 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Comentario mais recente
Mais Comentados
  Se Inscreva  
Me Notifique
Angelo Kaoru
Visitante
Angelo Kaoru

Situação bem comum na vida de otakus mas basta não ligar. Ser Otaku não é um problema é um estilo de viga fazemos o que gostamos e não ligamos pros reles mortais que insistem em dizer que é coisa de criança

ЯΘ₭UЯΘ ЯIЯΔ₭Θ
Visitante
ЯΘ₭UЯΘ ЯIЯΔ₭Θ

comigo é quase a mesma coisa,quando eu gostava de naruto,ficava eu e um grupo de fã de naruto conversando, daí chegava um lokos e começavam a encher o saco e no meio do grupo tinha um emnino que era narutarde nivel hardextremo ao quadrado, dai tipo ele corria atras do meninos querendo bater neles mais não corria igual todo mundo, ele corria os cavaleiros dos zodiacos, e dai que os carras começavam a suar ele mesmo, e até hoje ele é chamado de naruto, e ele odeia isso não sei pq. é só isso até a proxima

Miroko
Visitante
Miroko

so seu fã alch… essas coluna de “um otaku na escola” sao mt phoda…e ainda mais ke eu pretendo leva mangas pra escola ano ke vem… isso serviu como um pré-aviso pra varias situaçaoes ke podem surgi xD

MIRTU
Visitante
MIRTU

Eu com 30 anos passo por coisas assim sempre, pq curto jpop. enka, jpop de anime, anime, leio mangá on line no serviço, tenho botons de anime na minha mochila, tenho chaveiro de anime, sempre tem um amigo pra me encher o saco, nem ligo mais… não vale a pena… e se eu não puder conviver com os outros tendo meu próprio gosto e opinião, aceitar a opinião alheia e o gosto dos outros, então seria o mesmo que eu ser como eles…eu prefiro achar que estou um nível acima de quem tem preconceito…então não tem pq eu ligar pra… Read more »

Lucas
Visitante
Lucas

Comentado porque você pediu Alchemist.
Como eu sempre digo, gosto muito da sua coluna e realmente me identifico, mesmo não estando no mesmo nível otaku que você.

Mateus Albinati
Visitante

Cara, foi mal, mas vc escreve como uma criança saída do Glee! Chamar isso de problema? Problema é um maluco de patins e um taco d baseball matando as pessoas na cidade! Eu sempre li os meus mangás e sempre tive consciência de que existe alguma infantilidade nisso, o q é ótimo! (assim como qlqr hobby -esporte, laser, se seja, é bom poder escapar um pouco do trabalho/faculdade) Ultimamente eu tava lendo gwin saga q, por mais q tenha cenas fortes, inapropriadas pra crianças, tem todo o backgroud super infantil (tanto é q fizeram um anime infantil para ele –… Read more »

Vih-Vih
Visitante
Vih-Vih

hum…eu nunca passei pela coisa da criança …minha sala é até bem legal ,se alguem me pergunta sobre o manga que eu to lendo é porque a pessoa está mesmo curiosa . O maximo que já aconteceu comigo foi a professora catar meu manga par ver…ai eu aprendi que eu não devo levar Basilisk par ler na minha escola catolica .Isso pode gerar situações constrangedoras (que bom que não foi o professor de religião que pegou )

Guedebran
Visitante
Guedebran

Sabe, achei sua coluna interessante. Eu não passei por tamtos problemas na escola, mas já me perguntaram se eu não estava velho para isso, e disseram que anime era deseinho.

Mas quero dar os parabens a sua professora! Ela soube reconhecer que o mangá é mais uma forma de cultura. O fato de ela ter pedido desculpas tambem é admiravel.

Você ter se segurando tambem foi muito bom, parabens.

Tente abordar as diferenças nos pontos de vista que você e seus amigos não-otakus tem sobre as coisas do dia-a-dia.

Guedebran
Visitante
Guedebran

Cara, li as suas 6 colunas de Um Otaku na Escola, hoje, e achei interessante! Essas coisas não aconteceram da mesma comigo, por que sempre disfacei mais meu gosto. Porem já fui chamado de criança e coisa assim, “Você não ta velho pra isso”, coisas assim. Sabe gostei da atitude da sua professora, por ter pedido desculpas, mas principalmente por ter tratado mangá como mais uma forma de cultura, de meus parabens para sua professora. Ah sim, e parabens por ter se mantido calmo, pois isso podia ter dado uma imagem ruim pra você. Sugestão, fale dos pontos de vista… Read more »

Zazie
Visitante
Zazie

Já aconteceu comigo varias vezes de alunos da minha sala me chamarem de criança só porque eu lia manga ouvindo J – Rock (como eles diziam musica de loco). Mais tem uma cena que não esqueço. A professora de português quando entrava na sala passava alguns recados pra sala e naquele dia em especifico foi pra mim e uma amiga também otaku “È bom que ninguém hoje leia manga antes de acabar a aula como normalmente fazem, se não no final do mês vai ficar com 0 na matéria e não vou dar a coleção completa de cavaleiros do Zodíaco… Read more »

Lana-chan
Visitante

Tua coluna me faz ter muita saudade do ensino médio.
O tempo que eu descobri o que é ser otaku. Ficar ouvindo música na sala, ler mangá na aula… Bons tempos (agora estou me sentindo uma velha)

CrossThunder
Visitante
CrossThunder

Isso parece minha vida!!!!Uma vez eu peguei um mangá de Fairy Tail e começei a ler na aula,a garota pegou ele e leu do lado errado(como se vc ler um livro comum)fiquei bravo pq ela disse q isso é coisa de louco.falei q naum me importava com a opiniao dela e voltei a ler.
PS:Fairy Tail é muito foda!!!!!

Seiji
Visitante

excelente coluna Alche. ^^
Eu juro q dei uma risada qdo li a parte da professora fechando o mangá ao contrário, e imaginei a cara de apavorado do Alche nesse momento mas nao podendo xingar a professora.. huahahha

Felipe Bunito
Visitante
Felipe Bunito

sahsuahushaushuashuahsuhau fico calmo o baralho soh faltou voar na mulher a socos e pontapés…. ela gelooou esse dia… muita comédia….. liga não cara um dia o mundo só terá otakus e quem não for será zuado pelos novos otakus e assim sentirão o bullying na pele esse bando de pessoas sem coração sahushaushuahsuahu eu preferi não falar palavrão

Cabeça
Visitante
Cabeça

E ai Alch blz?

Cra, eu curto muito a sua coluna, eu me identifico com ela porque durante todo o meu periodo de colegio foi impossivel levar o meu lado otaku pra escola, chegarma até a rasgar uma camiseta de anime que eu estva usando (logico, que o babaca foi punido,mas…).
Bem fora esse meu desabafo, espero que vc continue postando na coluna, principalmente o “um otaku na escola”.

um abraço

Taurga
Visitante
Taurga

serio a professora fechar o mangá do lado contrario foi estranho, me identifico muito em as pessoas acharem que é coisa de criança e realmente IRRITA! esses dias eu fui em um evento e comprei o anel da vangola (reborn) e comecei a usar como chaveiro meus amigos (verdadeiras crianças) viram aquilo e ficaram falando que eu tinha um anel do poder, por que são tao ridículos ¬¬ ótima matéria, eu acho que você tem menos problemas com seus mangás por quer já esta na faculdade, é no colégio que a coisa fica feia…

Kudo
Visitante
Kudo

Nostalgia é o que sinto lendo lendo essa coluna!!
Sobre pessoas diseren que anime é coisa de criança, comigo é tão comun que já dessisti.
Aqui aonde moro anime é chamado de (Respirando para se acalmar, pois acho o cumulo.) È CHAMADO DE:BONECO!!!Boneco eu não entendo isso.Você entende o porque disso?
Pelo menos eu não sou o unico que assiste, minha irmã já assistiu um bom numero, minha mãe ja assistiu uns 5 animes.
Ps:Estou lendo o mangá de Slam Dunk tambem.

Gustavo
Visitante
Gustavo

Olá,

não me identifico muito pois não tive esses problemas mas acho as histórias legais.

Uma dica é que voce pode desenvolver o conteudo mesmo sendo uma historia ficticia (a não ser que nao seja essa a proposta).

E como a professora conseguiu se confundir a fechar o livro ao contrario? isso é totalmente absurdo, ela teve que se esforçar muito pra conseguir

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar