Ultimas Noticias

Review: Detective Conan

Kudo Shinichi é um jovem garoto de 17 anos de idade. Mesmo sendo apenas um estudante colegial, ele é reconhecido por todos, principalmente pela polícia, como um detetive de alto nível. Por causa disso, ele acaba colaborando para resolver casos policiais.

Um dia, após um encontro com sua amiga, Mouri Ran, no parque de diversões, e resolver um caso de assassinato no parque (algo bem cotidiano na vida dele XD), Kudo Shinichi testemunha uma transação comercial obscura com agentes vestidos com roupas pretas. Ele é descoberto e é nocauteado com uma coronhada na nuca. Os agentes negros envolvidos nessa transação, ao invés de matá-lo de forma simples e direta, forçam-no a experimentar uma droga experimental, supostamente mortal e vão embora. Após sofrer com os efeitos da droga, Kudo Shinichi não morre, ao contrário, ele desmaia e ao acordar percebe que seu corpo regrediu, com ele aparentando como se tivesse 7 anos de idade, mas mantendo a sua mentalidade de jovem detetive.

Evitando que os agentes negros saibam que ele está vivo, e imediatamente matem ele e seus amigos, ele esconde para quase todo mundo que se tornou uma criança, somente alguns descobrem esse seu segredo. Com a ajuda de seu amigo e vizinho cientista, o Professor Agasa, ele cria uma nova identidade, a de Edogawa Conan (que vem de Edogawa Ranpo e Conan Doyle, dois famosos autores de livros de mistério). Logo em seguida, a pedido do Professor, ele consegue morar na casa de sua amiga Ran, junto com o pai dela, Mouri Kogorou, um detetive particular mediano. Assim, enquanto está vivendo como Edogawa Conan, ele continua investigando essa misteriosa Organização Negra e ao mesmo tempo ajuda a resolver muitos mistérios e casos policiais, sem que todos saibam que é ele que resolve esses casos.

A série criada por Gosho Aoyama é publicada na Weekly Shonen Sunday desde 1994. Dessa forma, o mangá já totaliza mais de 780 capítulos. No início de 1996, o anime foi ao ar, assim conseguindo mais de 610 eps. Logo, Detective Conan é um das séries de mangá/anime mais antigos que está ainda está sendo publicado/ exibido. Geralmente está sempre entre os top 5 de maior audiência, e uma das séries mais tradicionais no Japão. Possui já 14 filmes, sendo tradição ter um filme inédito lançado em toda Golden Week nos cinemas japoneses. Além disso possui 10 OADs, 2 OVAs, 2 live actions e um especial crossover com Lupin III. O mangá venceu o 46º Shogakugan Manga Award na categoria Shonen. Além disso, o mangá já vendeu mais de 120 milhões de mundo, e está sempre na lista de mais vendidos no Japão.

A série é muito longa, mas mesmo assim possui uma grande quantidade de personagens importantes para a história. Além disso, possui diversos tipos de roteiros, alguns se tornam mais comuns. Por isso essa review será gigante, quase como uma enciclopédia, mas escrita por minhas palavras baseada no meu conhecimento da série.

Personagens

A série apresenta basicamente 3 personagens principais. Um deles é o Kudo Shinichi, que se transforma em Edogawa Conan, logo no começo da série. Os outros dois são Mouri Ran, melhor amiga de Shinichi, que é apaixonada por ele (embora ele seja desligado e nunca percebeu isso), e Mouri Kogorou, pai de Ran, alívio cômico da série, mas de grande importância na história. Os demais personagens também são importantes para a série, alguns menos importantes para certas linhas de roteiro.

Principais

Kudo Shinichi/ Edogawa Conan: É um detetive colegial, ou seja, ajuda a polícia a solucionar crimes. Possui uma grande capacidade dedutiva e memória fotográfica, por isso consegue solucionar os crimes com uma certa facilidade em comparação aos policiais. É um aficcionado por livros de mistério, especialmente Sherlock Holmes, o qual o tem como referência e principalmente, o autor dos livros de Holmes, Sir. Conan Doyle, o qual o admira. Por ser forçado a tomar a droga experimental APTX 4869, ele acaba encolhendo e se torna o Edogawa Conan. Para enganar todo mundo, acaba tendo que frequentar a escola primária, onde faz novos amigos. Usa muitos aparelhos inventados pelo prof. Agasa, para lhe ajudar nas investigações e situações de apuro, e está sempre resolvendo mistérios, participando nos bastidores da investigação, principalmente os que tem o Mouri Kogorou por perto. Gosta também muito de futebol, e é um péssimo cantor.

Mouri Ran: amiga de infância de Shinichi, gosta muito dele embora ele seja meio lento para perceber isso. Ela não sabe o segredo de Conan, mas se importa com ele, usando sempre um carinho materno. É faixa preta em caratê, mesmo assim tem o coração dócil e gentil. É filha de Mouri Kogorou e vive com ele e o Conan. Sua melhor amiga é a Suzuki Sonoko, filha do presidente das corporações Suzuki, além de ter amizade com vários outros personagens. Sua mãe é uma excelente advogada, só que ela não mora junto com o Kogorou porque ele sempre vivia reclamando de sua comida (que de fato é horrível). Mesmo assim, não é um casal divorciado. O sonho de Ran é que primeiro seus pais voltem a morar juntos, e segundo é se casar com o Shinichi.

Mouri Kogorou: Pai de Ran. É um detetive particular mediano. Foi um ex-policial, por isso usa muito bem os procedimentos policiais de investigação. Acabou sendo expulso da corporação por ter tomado uma atitude correta num caso de reféns, mas que a corporação policial achou imprudente demais. É uma pessoa justa e honesta, e embora brincalhão, tem um forte senso de ética, especialmente nas questões policiais. Graças a ajuda de Conan, ele está sendo considerado um grande detetive, embora ele acredite que sejam suas próprias habilidades que o tornem um detetive reconhecido nacionalmente.

Como o Conan conseguiu fazer Mouri Kogoro ficar famoso? Graças a dois aparelhos que o Conan usa, dados por seu amigo Professor Agasa: o relógio com um dardo tranquilizante e uma gravata com aparelho que imita a voz de qualquer um. Dessa forma, quando necessita dar explicações para solucionar o caso, ele atordoa o Mouri com o dardo traquilizante em seu relógio, se esconde próximo ao Mouri (ou fica à distancia,depois de colocar um microfone escondido nele) e imita sua voz com o aparelho na sua gravata borboleta. Graças a isso, todos pensam que o Mouri faz um ritual de fingir estar dormindo enquanto está fazendo sua explicação do caso, mas na verdade ele está realmente dormindo. Por isso ele recebeu pela imprensa o apelido de Nemori no Kogoro (Kogoro dorminhoco). Assim, quando todos percebem que no meio da investigação, ele de repente faz um ruídos estranhos (começa a sonolência por ser atingido pelo dardo do Conan) e logo depois “parece” estar dormindo, é por que ele está prestes a solucionar o caso e todos prestam atenção nele.

Detetives Jrs

São crianças de 7 anos que estao sempre ajudando o Conan a resolver mistérios. São amigos de Conan, por pensarem que ele também é um garoto da mesma idade deles. Frequentam a mesma classe na escola. Como sao fissurados por mistérios, fundam o grupo Shonen Tantei (Detetives Jrs.), apesar de que é sempre o Conan que resolve os mistérios. Sua professora é a gerente do grupo, por esta adorar livros de mistério. Os integrantes do grupo são:

Tsuburaya Mitsuhiko : é um dos mais espertos do grupo, sempre curioso e sabe de muitas curiosidades, pois já leu em algum lugar ou viu na tv. Possui uma boa memória e uma boa dedução, apesar de sempre precisar das dicas que o Conan passa indiretamente.

Kojima Genta : é o maior do grupo. Garoto gordinho e sempre comilão, quer sempre comer unagi (enguia), e adora se meter em confusões, geralmente metendo a mão ou entrando em lugares onde não deve. É curioso também, só que às vezes fala pelos cotovelos.

Yoshida Ayumi: garota simpática do grupo. É muito esperta, e também é curiosa e pergunta demais. Também é boa na dedução apesar de precisar da ajuda do Conan. É apaixonada pelo Conan, o que faz Genta e Mitsuhiko ficarem bravos com ele, porque os dois gostam da Ayumi. Como é a pessoa de maior fragilidade, acaba sendo vítima constante em casos de reféns.

Haibara Ai: Garota misteriosa. Sabe o segredo do Conan e o ajuda de diversas maneiras. Na verdade, Conan a protege porque ela também possui um segredo relacionado com a Organização Negra. Também acaba estudando na mesma escola do Conan, e faz parte do grupo Detetive Jrs. É muito inteligente, mas prefere que Mitsuhiko, Genta e Ayumi tentem deduzir sozinhos os casos, sem a ajuda dela.

Aliados (e um antagonista)

Professor Agasa: Um dos poucos que sabe o segredo de Conan. É vizinho de Kudo Shinichi, e amigo da família de longa data. É professor e inventor, e criou todos os aparelhos usados por Conan. Acaba tendo que ajudar Conan a resolver vários casos, exatamente por precisar de um adulto que fale diretamente com os investigadores para solucionar o caso. Assim, Conan imita a voz do Professor e o Professor faz mímica com a boca, enquanto toda a dedução do caso é apresentada.

Suzuki Sonoko: melhor amiga de Ran. É uma garota rica, de bons sentimentos, mas às vezes esquentada, e rude, principalmente por quem ofender ou ferir os sentimentos da Ran. Fica brava com o Shinichi, por ele estar desaparecido (na verdade virou uma criança né), mas apóia o romance da Ran com ele. Conan usa muito ela, especialmente se o Mouri não estiver por perto, pois ele também a usa para apresentar os casos aos investigadores. No caso, ele precisa mudar a freqüência da voz no aparelho dele para poder imitá-la. Ela acaba se envolvendo em muitos casos por estar sempre no lugar errado na hora errada, mas é sempre salva pelo Conan, embora ela ache ele um pirralho irritante. Está sempre a procura de um namorado legal, embora já tenha achado alguém mais à frente na série: Makoto, um campeão faixa preta de Karatê.

Hattori Heiji: Também é um detetive colegial, da mesma idade do Shinichi, mas é da cidade de Osaka. Melhor amigo de Shinichi e também um dos poucos que sabe a verdade do Conan. Possuía inicialmente uma certa rivalidade com o Shinichi, para saber quem era o melhor detetive colegial do Japão. Se o Shinichi é o melhor detetive do Leste do Japão, Hattori Heiji é o melhor detetive do Oeste do Japão, por isso surgiu essa rivalidade. Conseguiu deduzir que Conan e Shinichi eram a mesma pessoa, durante um caso que acabaram participando juntos. Agora, ele é o melhor amigo de Conan (Shinichi), e sempre o ajuda no que for possível, colaborando juntos para resolver qualquer tipo de caso. Ele é praticante de kendô, e como curiosidade, ele sempre usa um boné, e quando está prestes a resolver um caso, ele vira o boné ao contrário. É filho de um investigador da polícia de Osaka, por isso, curte se envolve com casos policiais desde a infância.

Toyama Kazuha: amiga de infância de Hattori Henji. É apaixonada por ele, embora ele seja meio tímido e lento para admitir esses sentimentos. Devido a isso, ela é uma grande amiga de Ran, por que entende como funciona a relação da Ran com o Shinichi. Assim, as duas apóiam uma as outras nos seus relacionamentos. É praticante de Aikidô, e filha de um investigador de Osaka. Na verdade, os pais de Kazuha e Hattori são parceiros na polícia. Está sempre perto de Hattori, especialmente se envolvendo nos casos policiais, por que também acaba sendo refém em vários casos. Ela tem afeição pelo Conan, achando curioso como ele consegue ser um excelente amigo do Hattori, mesmo com a idade que ele aparenta ter.

Kisaki Eri: mãe da Ran. É uma excelente advogada de defesa, e muito inteligente. É uma amiga de infância da mãe do Shinichi, por isso as duas famílias têm uma proximidade. Consegue dar uma certa ajuda nas investigações policiais, quando necessário, expondo seu ponto de vista como advogada experiente em muitos casos de homicídio, e também é boa em deduções. Não vive junto do Mouri, porque uma vez ele criticou muito a comida dela (até o Conan concorda que é horrível), e ela preferiu sair da casa. Não é oficialmente divorciada, por que ela ainda é apaixonada por ele, e espera que um dia ele consiga amadurecer bem mais para enfim voltar a viverem juntos.

Kudo Yusaku e Kudo Yukiko: são respectivamente o pai e a mãe de Shinichi. Eles sabem o segredo de Shinichi e apoiam ele para que continue sua busca para desmascar a Organização Negra. Como acham que o problema é somente dele, tentam não se envolver no caso. Os dois vivem nos EUA, por isso quase não estão no Japão. Yusaku é um autor de grandes livros de mistérios e Yukiko é uma excelente atriz, e rainha dos disfarces e maquiagem. De vez em quando ela colabora com o Conan quando alguém precisa de um disfarce. Odeia que a chamem de velha, pois embora tenha cerca de 40 anos, aparenta ser jovem.

Kaito Kid: É o maior ladrão apresentado na série. Ele sempre divulga antes para a imprensa que item pretende roubar, e faz seu show de roubo, sempre usando ilusionismo. É um mestre nos disfarces e na imitação, sem precisar de nenhum aparelho para imitar voz. Usa uma roupa branca, com cartola, fraque e capa, a qual esconde uma asa delta móvel, que usa para fugir pelo céu. Não usa armas de fogo nem mata para realizar seus roubos, como ética e seguindo a filosofia de seu pai, o primeiro kaito kid que existiu. Apresenta rivalidade com Conan, pois este consegue frustar seus planos de roubo, sempre conseguindo recuperar o item roubado. Possui um coração gentil, bondoso e mesmo assim é um grande ladrão. Sua verdadeira identidade é Kaito Kuroba, um estudante colegial, amigo de infância de Aoko Nakamori, que é a filha do investigador Nakamori, investigador-chefe que tenta prender Kaito Kid. Por esse ser muito parecido com Shinichi, usa as vezes Shinichi como disfarce. Aparentemente ele sabe o segredo de Conan.

Polícia de Tokyo

Foto: Yumi, Chiba, Shiratori,Sato,Takagi, Megure

A seção de homicídios de Tokyo investiga os casos de assassinato e geralmente Conan está sempre por perto. O inspetor da seção de Tokyo é o Inspetor Megure, e ele já trabalhou no passado com o Mouri Kogorou, quando este ainda era um oficial de polícia. Outros policiais presentes na série são o Detetive Takagi, Detetive Sato, Detetive Chiba, Investigador Shiratori e a policial Yumi.

Investigadores de Outras Prefeituras: investigadores que aparecem constantemente na série quando Conan está em outra província. Cada um tem uma personalidade própria e uma reação diferente na frente do Mouri e do Conan, alguns de admiração, outros de arrogância.

Organização Negra:

Foto: Korn, Chianti,Vermouth,Vodka,Gin.

Organização terrorista secreta mundial. Responsável por diversos assassinatos no mundo. Todos os seus agentes se vestem de preto e usam codinomes com nome de bebida alcoólica. Seu líder é desconhecido. Seus principais agentes são:

Gin: Um dos principais líderes da organização. É inteligente e um assassino frio e calculista.

Vodka: braço direito de Gin. Usa métodos brutais de assassinato, mas não é muito inteligente.

Vermouth: É uma agente misteriosa, pois sabe o segredo de Conan, entretanto não dá para entender se é aliada ou vilã. É mestre nos disfarces.

Chianti e Korn: agentes atiradores de elite. Estão em missões que precisam de snipers. A presença dos dois serve para substituir um ex-agente abatido em missão.

Bourbon: atual ameaça a Conan. Sabe-se que é um agente de grande capacidade dedutiva. Ainda não apareceu na série.

Linhas principais na História

-Combate à Organização Negra

Principal história da série. É a linha mestre da série e mostra o combate de Conan contra a Organização Negra, tentando descobrir seus segredos e querendo derrubá-los e expô-los ao mundo, além de querer encontrar uma cura definitiva para a droga que ele acabou tomando. E a cada arco, novos personagens misteriosos vão surgindo, mais mistérios vão sendo desvendados e mais aliados e inimigos aparecem no caminho.

-Casos policiais (Tokyo)

São casos policiais que vão surgindo dentro de Tokyo, e coincidentemente, Conan está sempre presente quando as coisas acontecem. Como geralmente está perto do Mouri, os investigadores de Tokyo acabam fazendo a piada que o Mouri traz a morte consigo. Nesses casos, Conan resolve os casos usando Mouri ou Sonoko como bonecos de ventriloquismo.

-Casos policiais (resto do japão)

Geralmente Conan está visitando alguma cidade japonesa, junto da Ran e o Mouri, e um caso misterioso acontece. Pode-se também usar pontos turísticos reais e famosos dessa cidade como informação complementar ao caso. Como cada prefeitura tem seu próprio investigador policial, basicamente esse investigador já conhece o Mouri, de tantas vezes que acabam testemunhando Mouri resolvendo os casos. Além disso, cada Investigador tem um comportamento próprio em relação ao Mouri, alguns o admiram, outros são mais sérios.

-Kaito Kid

Nessas histórias, Kaito Kid geralmente lança o desafio na imprensa do item que irá roubar, divulga o dia e a hora que isso acontecer e Conan se dispõe a combatê-lo para evitar que tal roubo acontece. Atualmente, as histórias do Kaito Kid envolvem o tio da Sonoko, um homem rico das Corporações Suzuki, pois ele que desafia Kaito Kid a roubar tal item, esperando que ele aceite o desafio.

-Detetive Junior

São casos que envolvem os Detetives Jrs., que geralmente ou é algum acontecimento que eles testemunham, algum mistério que eles ouviram falar pela vizinhança, ou algum aluno da escola deles pedindo que eles resolvam o caso. Como sempre, Conan resolve primeiro todos os casos, mas ele passa pistas para todos para que eles possam deduzir sozinhos. O objetivo deles é um dia provar que conseguem resolver os casos sozinhos sem precisar (tanto assim) da ajuda do Conan.

-Romances entre policiais

É uma linha interessante, pois mostra os desafios românticos que existem dentro da polícia de Tokyo. Geralmente a maioria dos casos, envolvia o relacionamento do detetive Takagi e da detetive Sato, com todos os ciúmes voltados para o Takagi, pois toda a corporação gosta da Sato. Infelizmente, ela só gosta do Takagi, por isso os policiais se mobilizavam para impedir que esse relacionamento acontecesse de verdade, e sempre espionavam eles quando os dois tinham um encontro. Posteriormente, essa linha de roteiro se desdobrou para relacionamentos do Investigador Shiratori e também do Detetive Chiba.

-Casos de Tribunal (filler)

Essa é uma linha filler, exclusiva do anime, e mostra a advogada Kisaki Eri combatendo a promotora Kujo nos tribunais, geralmente em casos de homicídio. Com a colaboração do Conan, e também do Mouri dando seu depoimento como detetive que analisou o caso, a conclusão da investigação é apresentada, com a defesa ganhando o caso.

Porque é muito bom?

Fora isso, ainda há mais elementos constantes em Detetive Conan, como as invenções usadas pelo Conan, ou as piadas e clichês presentes no animes.

E por que é bom. A série é inteligente, usa de temas atuais e faz muitas referências culturais. A série ajuda a divulgar a cultura japonesa, contando vários lendas, mitologias e pontos turísticos do Japão. Além disso, devido a todas as artimanhas e truques usados pelos assassinatos e as formas de dedução usadas pelo Conan, o anime é usado como forma de treinamento de policiais, exigindo que eles melhorem na parte de observação e dedução.

Além disso, mesmo com um tom repetitivo, a série nao é tão desgastante quanto se imagina. Existem muitas histórias randoms, mas alguns desses episódios são interessantes de serem observados, porque detalhes apresentados nos episódios serão usados como argumento para justificar alguns fatos presentes na linha principal. Além de tudo, além de ser um anime shonen com foco nos mistérios policiais, a história também apresenta teor de romance, ação, drama e comédia. Por isso, apesar de ser um anime infinito, vale a recomendação para se assistir, especialmente os filmes.

Abraços e até a próxima.

Comente

Sobre Anime Freak Show

Durante esses mais de 3 anos, muitas pessoas passaram pelo site, algumas não estão mais, mas suas postagens continuam aqui!

10 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. wowowowo

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*