Games: Fallout: New Vegas

Hi Pessoal, quem vos escreve humildemente hoje sou eu, Pandaman, e estarei escrevendo reviews de games para vocês. Hoje especificamente falarei sobre um jogo não muito novo, mas que tem muita importância na minha vida de gamer, e foi um dos últimos games que ao chegar ao final eu disse “pu@#, que final Fo%&!”. Fallout: New Vegas, uma das melhores séries que tive a oportunidade de jogar. Sem mais delongas, e em meio a armas enferrujadas, seres mutantes e claro a radiação, entremos no mundo de Fallout.

fallout

A História

A história desse jogo se passa, como em outros jogos da série, num futuro pós-apocalíptico, dizimado por uma guerra nuclear, que acabou com quase todos os seres vivos conhecidos antigamente. E como o próprio nome já diz, dessa vez se passa em torno de uma cidade chamada New Vegas (o que já se pode deduzir que cidade ela foi antigamente). O seu personagem deveria entregar um pacote muito importante, mas infelizmente algo acaba fazendo essa sua missão ser adiada por um tempo. Daí, você acaba sendo baleado, e só vai acordar algum tempo depois numa pequena cidade na casa de um doutor, não se lembrando de nada apenas sabendo que Vitor, um robô acabou salvando a sua vida.

Essa Região esta sobre o “controle” de duas facções, a NCR e a Legião. As duas sempre estão em conflito. De um lado, a NCR (New California Republic) é uma organização que tenta manter a ordem como era feita antigamente, e também está sempre tentado ajudar a população de alguma forma, seja com energia elétrica ou até comida aos mais necessitados. Do outro lado está a Legião de César, ou apenas Legião. Essa por sua vez se baseia nos métodos de conquista usados no Império Romano. Ela está sempre em conflito não só com a NCR, mas com a maioria das outras facções que estão ao seu redor. Conta com vários seguidores e faz algumas de suas “vitimas” se tornarem escravos. Cabe a você decidir se quer ou não participar de uma das duas.

fallout

A legião é representada por um touro, já a NCR por um urso com 2 cabeças

O Mundo


Por ser um mundo totalmente devastado por armas nucleares e principalmente pela radiação, já se pode imaginar o cenário do game, um vasto campo, quase como uma planície, mas com pouquíssima vegetação. A vegetação existente nem podemos chamar exatamente de viva. Não restaram muitas construções ou casas de pé. Algumas das que restaram lembram muito o “faroeste” e cowboys, o que na minha humilde opinião só agraciaram ainda mais o jogo. As Criaturas que sobreviveram são quase sempre deformadas ou “mutantilizadas”( Quando um ser é transformado em mutante), e na maioria das vezes são agressivos, o que dependendo de sua estratégia pode ser bom ou ruim.

fallout

fallout

A Trilha Sonora

A trilha sonora dessa série sempre me surpreendeu. Principalmente a do Fallout 3. Quanto à trilha desse jogo é boa e faz juz ao Style “faroeste” do game. Além da trilha principal, existem rádios que você pode escutar em seu pip-boy.

Falando em pip-boy, ele é um aparelho moderno produzido pelas indústrias Robco, que te acompanha na sua jornada. Ele se parece com um relógio, mas tem varias opções desde guarda-mapas, gravações de dados em holodisks, e até escutar uma rádio.

fallout

A Jogabilidade

Por ser um jogo de RPG, já se pode imaginar como seria a engine do jogo e a jogabillidade. O que impressiona (mesmo q seja quase idêntica a do jogo anterior) é a junção de um jogo de tiro com um RPG. Quando vi esse jogo pela primeira vez, nunca me veio a cabeça que ele seria de RPG, principalmente por que a primeira coisa que pensei ao ver o jogo era “Jogo em primeira pessoa, arma na mão, explodindo um boi com 2 cabeças. Só mais um jogo de tiro nada de mais”. Até então eu não havia visto um jogo misturando esses dois tipos de gêneros e hoje percebo que eu estava muito enganado. O jogo é totalmente RPG desde a montagem do personagem e as escolhas de Perícias/Habilidades/Características até mesmo na simples hora de chutar um traseiro, ou acertar a cabeça de alguém. Você também pode alternar entre primeira e terceira pessoa (o que na verdade não me agradou muito).

fallout

Minha opinião é:

Bem, esse é com certeza um dos melhores jogos que já joguei na vida e com certeza recomendo a todos. Sim pode ser que hajam alguns bugs e o que os gráficos não são lá grande coisa, mas o jogo é incrível. Tem tantos caminhos diferentes que você pode seguir e tantas sidequests pra fazer que você fica horas e horas jogando sem se cansar. Uma das coisas que eu mais reparo nos games são as opções que ele proporciona pra você e esse jogo tem muita coisa desse tipo. E se você pensar por um lado, cada coisa q você faz durante o jogo, por menor que seja, será lembrada no final por esse motivo o jogo tem centenas de finais diferentes. Outra coisa legal é que você não se prende apenas a armas de fogo nesse jogo. Existem diversas outras armas então não tem desculpa por não gostar de jogos de tiro, ou não gostar de bater num inimigo com um pára-lama-deformado-que-se-parece-com-uma-espada.

fallout

Bem, agora vou ficando por aqui, eu gosto muito do jogo, sei que algumas pessoas não gostam dele mas de todo jeito taí a dica . E espero que tenham gostado!

OBS:

Após escrever esta “coisa”, percebi ao tentar editar uma imagem que não nasci pra isso, então me desculpem vai ser a última vez.

fallout

Go!! Fallout

Comente

Sobre Pandaman

5 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. aew esse jogo é muito bom XD
    Uma dica baixe os mod’s do newvegasnexus ou de outro site ‘do nexus tem tudo que eu achei’
    tipo peguei varios mod’s de criação de itens e munição!
    posso fazer uma penca de munições e vestimentas XD
    ajuda muito pois consiguir .case .primer .powder é um inferno ¬¬

    aguardo o site da gamevicio lançar a tradução XD

    virei o fallout 3 duas vezes e gostei muito os caras da Obsidian Entertainment e Bethesda Softworks fazem uns jogos muito da hora exemplo ‘the elders scrolls IV: Oblivion’

    t+ ficou da hora o review!

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*