Game Review: Red Dead Redemption

Ae galera, Goezinho aqui de novo para mais uma review de um jogo que promete muita diversão, tiros e ferraduras voadoras.

Red Dead Redemption

O jogo da semana é o novo gigante dos consoles PS3 e X Box 360, nada mais nada menos que Red Dead Redemption, que foi desenvolvido pela Rockstar San Diego e lançado dia 18 de maio nos EUA, simplesmente o melhor jogo Old West Style desenvolvido até hoje.

Plot

O jogo se passa em 1900, no final da era dos cowboys. Agentes federais estavam ameaçando a família do ex-bandido John Marston que motivado pela raiva sai à procura de uma maneira de salvar sua família, ele passa por muitas dificuldades e acaba passando por muitas situações que chegam a dar um nó na garganta do jogador e tem a sua história encerrada num final inesperado.

Gameplay

Red Dead Redemption se assemelha muito com GTA, mas a meu ver chega a ser superior principalmente pelo fato de ter muito mais jogabilidade e uma infinidade de mini games – que vão de jogos de pôquer a arremesso de ferradura – também conta com muitas armas e até domesticação de cavalos selvagens. O fato de que a ordem em que as missões são executadas pode alterar dramaticamente como a história vai se desenrolar, e que uma simples mudança de roupas pode te tornar procurado pela policia torna o jogo dinâmico e emocionante.

Red Dead Redemption


Opinião Final

Assim que liguei meu PS3 e comecei a jogar senti que Red Dead Redemption teria um lugar muito especial na estante dos proprietários de um X Box ou de um PS3, pois a pesar de ter uma história relativamente curta o pós-game é muito divertido, seja destruindo esconderijos de gangues ou arremessando ferraduras. Para um jogador como eu, que gosta de zerar o jogo com um belo 100%, a duração media seria de 50 horas mas para um jogador comum 30 horas é o bastante.

Red Dead Redemption

Comente

Sobre Goezinho

Pokémon... Games... Romances... E tudo que há de pervertido... Esses foram os ingredientes randomizados pela minha mãe para criar o filho que viria a ter, porém, aos 14 anos, foi acrescentado um ingrediente extra na mistura, o ANIME FREAK SHOW, e assim nasceu o ser conhecido como Goezinho, que utilizando seus poderes de amante de romances, ecchi e também sua voz, que COSTUMAVA ser inconfundível, batalha para criar conteúdo de qualidade para um Podcast que significa o mundo para ele.

Um Freak gritou para o Mundo!

  1. Goezinho,voce tem PS3?
    Nossa!Voce tem conta da PSN?Se tiver me adiciona como seu amigo.Minha ID é Mina-tan.
    E a proposito sua review ficou boa e o RDR é o melhor jogo de western que ja saiu.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*