J-WAY – Obon, o feriado de finados do Japão.

Yo minna! Tudo bem?

ObonHoje vou começar a falar um pouco sobre alguns feriados japoneses e suas respectivas histórias.

E o primeiro será o Obon ou somente Bon, que é o costume japonês de homenagear seus antepassados. É como o nosso feriado de Finados, porém por lá ele é conhecido como Dia das Almas. Nessa época também ocorrem os famosos Obon Matsuri (Festival de Obon).

Esse feriado dura três dias e difere em alguns aspectos, dependendo da região do Japão que é comemorado. Antes da era Meiji, o calendário utilizado pelos japoneses era o calendário lunar e isso fazia com que o Obon caísse no mês de agosto, uma vez que a tradição diz que essa data deva ser comemorada no sétimo mês lunar do ano (agosto). Porém após a era Meiji os japoneses passaram a utilizar o calendário gregoriano e conseqüentemente o sétimo mês passou a ser julho. Mas algumas regiões ainda seguem o costume de comemorar o Obon seguindo o calendário lunar, portanto a data difere por esse motivo.

ObonOs dias de comemoração vão do dia 15 ao dia 17 e nesse intervalo as pessoas vão visitar e limpar os túmulos de seus familiares, fazem danças típicas (Bon Odori), fazem oferendas e também penduram lanternas nas portas das casas. Esse costume de pendurar lanternas simboliza iluminar o caminho para que as almas daqueles que já partiram possam encontrar o caminho de casa nessa data e reencontrar seus familiares.

Festivais e Obon Odori

Nesse feriado ocorrem no Japão os Obon Matsuri, onde as pessoas vestem suas yukatas e se reúnem para comer, dançar e se divertir, uma vez que por lá esses dias não são de tristeza e sim de alegria por relembrar seus entes queridos.

ObonO Bon Odori é a dança típica desses festivais e com certeza muitos de vocês já assistiram algum anime em que ela é representada. A dança ocorre com as pessoas dançando em círculo, ao redor de uma plataforma de madeira alta, chamada de Yagura. Nessa plataforma ficam as pessoas tocando os Taikos (tambores) ou outros instrumentos enquanto ditam o ritmo da dança.

Segundo a lenda, o Bon Odori se originou a partir da história de Mokuren, um discípulo de Buda, que usou seus poderes para se encontrar com sua falecida mãe. Ele descobriu que ela havia caído no “Reino dos Fantasmas Famintos”, um dos vários infernos existentes de acordo com o budismo, e estava sofrendo muito. Muito perturbado ele buscou a sabedoria de Buda para encontrar uma maneira de livrar sua mãe de tal sofrimento. Buda então disse para ele fazer oferendas para os vários monges budistas que tinham acabado de fazer seus retiros de verão, no décimo quinto dia do sétimo mês. Ao fazer essas oferendas ele viu sua mãe ser libertada e parar de sofrer, ao mesmo tempo em que também reconheceu todo o sacrifício que ela passou por ele durante sua vida. O discípulo muito feliz pela liberdade e carinho da mãe dançou com muita alegria. Dessa dança surgiu o Bon Odori, a dança que louva os antepassados por todos os sacrifícios que fizeram por suas famílias.

ObonO festival termina com as Toro Nagashi, lanternas flutuantes soltas em rios para iluminar o caminho das almas no seu retorno ao mundo dos mortos, e também com uma grande queima de fogos de artifício.

O festival de Obon também ocorre nas várias comunidades japonesas aqui do Brasil, uma vez que somos o país com mais japoneses fora do Japão do mundo. A maior concentração de japoneses se situa em São Paulo, onde vários festivais são realizados nessa época e mostram as danças típicas, comidas e música japonesa para todos.

Bom, por enquanto é isso pessoal, espero que tenham gostado de saber um pouco mais sobre a cultura japonesa e comentem caso tenham algum assunto que gostariam que eu abordasse por aqui, beleza? Agora bora dançar!!

Obon

  • Bon Odori 01
  • Bon Odori 02
  • Bon Odori 03
  • Bon Odori 04

Itekimasu! até o proximo Obon

Comente

Sobre Raito

Raito
Podcaster e editor de áudio, gamer casual, viciado em tecnologia, animes, mangás e cultura japonesa em geral. Gêneros preferidos são comédia, suspense e ação. Excluiu o Shoujo água com açúcar de sua vida e hoje é uma pessoa mais feliz.

2 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. Legal, tinha visto esse feriado mais recentemente comentado no novo mangá baseado na série Kagerou Days, mas foi só comentado o nome mesmo XD Tbm lembro d ter visto essa dança no filme d Hetalia =D
    Só fui entender oq realmente era o festival Obon a umas semanas atrás qando fui ler um livro q contava a história da Sadako(aqela menina q sofreu d Leocemia depois d ter sdo esposta a radiação das bombas atomicas e morreu. E q agora tem um monumento em homenagem a ela e todas as crianças vitimas da bomba), tem uma passagem no livro q retrata o festival Obon.
    Qer dizer q aqeles festivais q as meninas se vestem d yukata e tem um monte d barraqinhas são do festival Obon então =D Q Dia d Finados divertido o deles ;-;

    • Raito

      Milie, obrigado pelo comentário! Nós aqui, novatos do editorial, bem como todo o pessoal da Staff gostamos muito quando temos retorno de vocês. O Obon é apenas um dos vários festivais que acontecem no Japão, mas tem muito simbolismo e significado para eles. Fique ligadinha que logo logo teremos muito mais histórias interessantes e curiosidades para compartilhar com todos os Freaks!

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*