Review: K-On!

K-On! é um anime da Kyou Animation que conta história do antigo clube de light music (em bom português “musica simples” ou em bom japonês “K-On!”) que estava prestes a ser extinto antes de surgir Ritsu, uma garota com personalidade agitada, extravagante e excêntrica. Ao saber do antigo clube de música, decide ressuscitá-lo logo após ter a idéia de criar uma banda, com objetivo de apresentar-se em Nippon Budokan (um grande palco de apresentação musical Japonês), inspirada em um concerto que ela e sua amiga de infância Mio assistiram juntas na TV.

Mio, ao contrário de sua amiga, é extremamente tímida e medrosa e por isso é “torturada” por sua amiga de infância através de várias brincadeiras feitas com o intuito de deixá-la constrangida na presença de sua conselheira, com suas roupas feitas especialmente para o clube em seus concertos da escola. E é por sua personalidade extremamente reservada que decide tocar baixo, já que considera que guitarristas chamam muita atenção e sempre estão à frente do grupo.

E com interesse pelo clube de música entra a terceira integrante do grupo, Tsumugi. Não se sabe muito sobre ela, sua personalidade é bem neutra em relação às suas amigas e não conta muito sobre sua vida, sendo alguém muito calma, tranqüila e atenciosa, trazendo lanches para o grupo. Durante a série mostra-se pertencer a uma família muito rica e do ramo musical. Juntas elas fazem propaganda do clube distribuindo panfletos e cartazes.

Através dos cartazes, acabam por chamar a atenção de Yui. Totalmente o oposto das outras, essa integrante entrou no grupo sem qualquer experiência em qualquer instrumento musical e em música em si, ela entra para o grupo pensando em tocar castanholas. Decide ficar no grupo porque suas amigas insistem muito, pois para o clube funcionar são necessários pelo menos quatro membros. Feito isso, decidem ensiná-la a tocar guitarra. Muito amável, facilmente se distrai com qualquer coisa e com isso deixa o grupo em vários riscos durante a série. Ela vive praticamente o ano inteiro apenas com sua irmã mais nova em casa por conta de seus pais viverem trabalhando fora (em outros paises). Sua irmã tem a personalidade extremamente oposta à de Yui, é mais responsável que ela, e faz todo o serviço de casa.

K-On!
Concluindo, K-On! é um anime de música muito bom e carismático, mas com clichés quando se fala das personalidades dos personagens e à história propriamente dita, sendo muitas vezes possível prever o fim do episódio. Suas músicas são mais voltadas ao público feminino.

Tirando é claro a ending “Don’t say ‘lazy’”, uma canção com ótimo ritmo e com uma letra menos “açucarada”, de qualidade superior em relação à trilha sonora da série.

Gostou? Não gostou, comente, ajude a melhorar o AnFREAK.

K-On!

K-On!

Comente

Sobre sky

Hajimemashite Henrique Sena DESU! mais conhecido como Sky! Fundador do site Anime Freak Show em 2009, apresentador do podcast, editor de audio profissional... Formado em múltiplas áreas de criação como Áudio, Vídeo e Imagem. Apaixonado por Filmes, Series, Animes, Games, NBA, NFL, Doritos, tecnologia e especialista em Notebooks. Compre na AVELL!

Um Freak gritou para o Mundo!

  1. K-on é incrível, acho que os animes de música já se destacam por serem de música, esse então que tem comédia junto é incrível, um dos melhores sobre música que eu conheço.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*