Light novel de Sword Art Online quase é proibida em biblioteca de escola secundária.

A Escola Secundária Jerome, em Idaho, Estados Unidos, votou por manter a light novel Sword Art Online: Aincrad em sua biblioteca

nesta segunda-feira, após um aluno levantar uma reclamação sobre “linguagem e desenhos inapropriados” no livro. O departamento de Inglês da escola americana apresentou formalmente a queixa.

A National Coalition Against Censorship (NCAC), ou Aliança Nacional Contra a Censura, em tradução livre, enviou uma carta de apelo para a Escola Secundária Jerome nesta segunda-feita, pedindo à escola que mantivesse o livro. Na carta, a NCAC salientou que os “desenhos inapropriados” citados na reclamação “são presumivelmente imagens de uma personagem feminina vestindo roupas de baixo e compartilhando a cama com um personagem masculino.”

A NCAC afirmou mais adiante na carta que a remoção do livro por linguagem e imagens sugestivas poderia “armar um precedente prejudicial que, por exemplo, poderia fazer uma obra clássica da literatura que contém linguagem adulta, ou um livro de História que inclui nudez, ser mantida longe de jovens.”

O comitê de revisão da escola, então, recomendou que a escola mantenha o livro.

 

Fonte: ANN

 

Comente

Sobre Steph

Steph
Além de corretor ortográfico humano, sou muito fã de comédias românticas, drama... E uma porradaria franca de vez em quando também não faz mal a ninguém. Minhas principais habilidades são falar muito, agir que nem fangirl e mudar de assunto de repente. Atualmente sou podcaster e escrevo algumas postagens.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*