Otaku’s Paradise Journey – Capitulo I – Oi, eu sou… A Chegada no Palácio de Enma-Sama.

“O que existe do outro lado da vida para nós, otaku’s? Será que existe um lugar para nós lá em cima? Como será Deus? Morgan Freeman? Infelizmente não sabemos, até agora.”

 

 

Otaku’s Paradise Journey

Capitulo: Oi, eu sou… A Chegada no Palácio de Enma-Sama.

 

Narrador: No episodio anterior, o Otaku, aquele que foi morto por um carro em alta velocidade, teve o seu espírito saído de seu corpo e enquanto estava surpreso por virar um espirito, Botan, shinigami de Yuyu Hakusho, o leva para um paraíso onde todos os otakus que morrem vão parar e nesse momento estão passando pelo Dangai. Agora começam as aventuras de um otaku qualquer no Paraíso Otaku.

Botan: Como está ai atrás?

Otaku: Como está aqui atrás? Tô quase caindo aqui atrás dessa sua vassoura e que lugar é esse? A um momento atrás, estava um dia tão lindo e agora estamos numa caverna tão escura que nem vejo a luz no fim do túnel.

otaku

Botan: Quer parar de reclamar! Se continuar vou deixar você cair aqui, se você não percebeu, esse é o Dangai, você não é otaku e não queria a Rukia no meu lugar?

Otaku: Calma, não reclamo mais e você é mais linda que ela, seu kimono te deixa sexy.

Botan: Assim você me deixa sem graça…

Otaku: Uffaa. Mas quem diria que o Dangai realmente existia, estamos indo para Soul Society?

Botan: Não, a palestra não fica na Soul Society, fica na sessão administrativa.

Otaku: Ahh tudo bem. Ainda vai demorar?

Botan: Creio que mais algum tempo, o peso extra está fazendo minha vassoura ir mais devagar que o normal.

Otaku: Senti uma indireta no ar…

Narrador: Na escuridão do Dangai, uma pessoa vinha se aproximando deles.

Otaku: Quem é aquele?

???: Oi de novo, Botan.

Botan: Tudo bem, Goku? Essa é a terceira vez hoje. Como está todo mundo?

Otaku Consciente: Goku? É o Goku!!

Goku: O de sempre, mas se eu não voltar logo, eles vão estar aqui daqui a pouco tempo, melhor eu me apressar, mas quem é essa alma?

Botan: De um Otaku qualquer que eu achei.

Goku: Oi, eu sou o Goku.

otaku

Otaku: Muito prazer, meu nome é…. Caramba, Qual é o meu nome?

Botan: Ah, esqueci de dizer, como voce é uma alma, você não tem nome aqui.

Otaku: Devia ter decorado meu RG…

Goku: Bom, já vou indo. Foi um prazer encontrar com você.

Otaku: Boa sorte Goku, mesmo eu não estando no mundo Humano mais, eu sempre te ajudarei a fazer a Genkidama em qualquer hora do dia.

Goku: Valew, fica esperto no meu twitter que eu aviso, que mesmo eu tendo muitos seguidores, sempre é bom mais pessoas fazerem junto.

Otaku: Ele tinha Twitter???

Goku: Adeus. Até mais, Botan.

Botan: Boa Sorte!

….

Otaku: Quantas vezes ele veio mesmo, Botan?

Botan: Acho que umas 3 vezes só essa manhã.

Otaku: Isso nunca muda…

Narrador: Depois de algum tempo…

Otaku: Vejo uma luz no fim do túnel, quero dizer, do Dangai.

Botan: Já estamos chegando. Segura firme, pois agora vamos com velocidade maxima.

otaku

Otaku: Ohhhhh! Isso é Nitroooo????

Narrador: Enquanto a vassoura ultrapassava as 88 milhas por hora, nosso herói fechava os olhos pela luz intensa que eles passavam, assim que eles passam, eles se encontram em algum lugar do outro mundo.

Botan: Chegamos, pode abrir os olhos.

Narrador: Seus olhos abriam tão lentamente, e assim deslumbrava-se pela visão que agora ele tinha.

Otaku: Que fila enorme é essa???

otaku

Botan: É a fila para a palestra de iniciação, é aqui que nós nos despedimos, boa sorte daqui para frente.

Otaku: Espere, Botan, ainda tenho algumas perguntas para você… Já foi. Bom, vamos entrar na fila. Espero que não demore muito…

Narrador: Nosso otaku vai se aproximando da fila para a palestra e escuta a seguinte conversa entre os dois otakus da sua frente:

Otaku #8000: Que episódio você reviu antes de vir para cá?

Otaku #7999: Aquele que o Naruto fica com um inseto colado na bunda.

Otaku #8000: Nossa eu lembro, muito nonsense aquele. Mas estou é mais com o Shippuden, aquele do Sanbi é que eu vi, gostava do Tobi naquela época…

Otaku: Putz, pensei que era só nas filas do AF que eu encontrava Narutards, mas aqui também? Fala sério!

otaku

Narrador: Todos os Narutards da fila disseram em coro:

Narutards: ALGUM PROBLEMA???

Otaku: Não, nenhum; hehehe.

Narrador: Com essa frase, todos eles voltaram a conversar naturalmente.

Otaku: Ufa, parecia que eu ia enfrentar um grupo de Múltiplos Narutards das Sombras. Agora dá para perceber porque Narutard é uma espécie em extinção, todos estão parando para cá. Mas quando vai começar essa fila?

Narrador: Logo ele percebe que isso foi uma pergunta inútil, e percebe também a placa do seu lado dizendo informações importantes sobre a fila.

Otaku: Valew Narrador! Ele tem a voz do Seiji Moreira, não sei porquê.

Narrador: zzzz

Otaku: O que será que tem nela?

Placa: Palestra a cada 10 anos, ás 10:00.

???: Ei, você, volte para a fila.

otaku

Otaku: Desculpe.

Megaphone Man: Falta só um pouco, pessoal enquanto isso, tomem mais um pouco de bebida.

Fila: Valew, uhuu! Ahhh, de novo não! Minha Barriga dói.

Otaku: Que bebida será?

otaku

Narrador e Otaku: FACEPALM!! Era tão óbvio…

Narrador: Enquanto os distribuidores iam dando os mupys, o Megaphone Man parou do lado do otaku e começou a falar:

Megaphone Man: Você é o número 8001, guarde bem esse número, está aqui seu crachá. Logo a Palestra irá começar, daqui 4 horas ás 10:00 AM.

Otaku: Sou o número 8001? Será destino? Beleza. Dá para esperar um pouco.

Narrador: Depois de muitos Mupys, faltava poucos minutos para o começo da palestra, mas à poucos minutos do 2º tempo, um otaku aparece ao lado de uma mulher de preto.

Otaku #8002: Valew Rukia, desculpa por interromper você lá na guerra com o Abarai.

Rukia: Shiii, não fala isso nesse contexto, tenho que voltar bem rápido para lá, foi um prazer conhecê-lo, Otaku.

Otaku #8002: Flw. Então esse é o paraíso.

Megaphone Man: Ainda não, esse é a fila para a palestra, você é o número 8002, guarde bem esse número, está aqui seu crachá. Logo a Palestra irá começar, daqui a pouco minutos.

Otaku #8002: Obrigado. Que fila enorme! E é tudo otaku.

Narrador: O novo chegado se aproxima do nosso otaku. Ele com um sorriso no rosto e o outro com uma cara de inveja.

Otaku #8002: Eae, como vai você? Que animes você gosta?

Otaku: Não muito bem e não quero conversa, eu tomei um Mupy de Groselha sem querer, to de mal humor. (Você veio com a Rukia. Com mil raios e trovões!)

Otaku #8002: Toma o meu, é de maça.

Narrador: Os olhos de nosso otaku cintilavam admirando o mupy que foi oferecido. Ai se formou uma bela amizade que irá durar muito tempo entre os dois.

Otaku: Mesmo? Obrigado, meu humor melhorou. Vamos comparar animelists?

Otaku #8002: Acho que não tem internet aqui.

Otaku: É mesmo, hehehe.

Otaku #8002: Então, e essa fila ai?

Otaku: Maioria narutard. Não vale a pena falar com eles.

Otaku #8002: Agora percebo que Narutard é uma espécie em extinção.

Otaku: Eu também.

Otaku #8001 e Otaku #8002: kkkkkk

Narrador: Finalmente, os portões foram abertos e a fila começou a andar.

Megaphone Man: Finalmente, o horário chegou, meus senhores. Se mantenham em fila com os crachás presos em vocês.

otaku

Narrador: Então, todos os oito mil e dois otakus entraram no castelo para ter a tal palestra.

Empregado #1: Muito bem vindos ao castelo de Enma-sama. Por favor, acompanhem os funcionários com o ultimo número dos seus crachás nas camisetas.

Otaku #8002: Então é isso, adeus.

Otaku: Acho que vamos nos encontram mais cedo que imagina.

Otaku #8002: Por que diz isso?

Otaku: Pressentimento. Falow, até daqui a pouco.

Narrador: Então eles foram separados em 10 turmas de 800 alunos cada. Sendo que cada grupo, com o seu instrutor, ia para salas diferentes.

Otaku: O que será que tem atrás dessa porta?

Narrador: Todos os grupos chegaram nas suas portas respectivas e em coro os funcionarios disseram:

Funcionário #0,1,2,3,4,5,6,7,8,9: Entrem, por favor e sentem nos números indicados.

Otaku #111: Que sala enorme é essaaaaa.

Funcionário #1: Por favor, se apressem.

Narrador: Enquanto todos iam se sentando nas 10 fileiras com 80 cadeiras cada, um telão ia baixando do teto para algum pronunciamento. O personagem principal dessa história sentava no fundo, escondido entre tantas pessoas.

Otaku: Finalmente a palestra vai começar.

Narrador: E aparecem dois ilustres personagens para o pronunciamento.

Enma DaiOh: Arrah, isso está ligado?

otaku

Koenma: Sim. Mas, pai, isso é um lápis.

Enma DaiOh: O que você disse, FILHO?

Koenma: Siimm, Otou-sama. Aqui está o microfone.

Enma DaiOh: Agora voltei a ouvir direito. Muito bem, senhores. Nessa ultima década, tivemos o recorde de mortes de otakus em relação a de todos os tempos e infelizmente não temos como suportar mais de 8000 otakus no plano superior. Então achamos uma solução para esse problema nesse meio tempo, iremos selecionar quem de vocês é merecedor desse privilegio para ir ao J-Paradise.

Narutards: J-Paradise? O que seria isso? Não faço a mínima ideia. Você tem alguma ideia #8001?

Otaku: J? humm, Japan Paradise?

Koenma: Otou-sama, isso só teria que ser dito na palestra.

Enma DaiOh: Puxa é mesmo… Bom já que eu falei demais… tanto faz, vou revelar o que o J significa:

(Otakus prestando atenção)

Enma DaiOh: Significa Jump.

Narutards: Haaaa. Jump? O que seria? O que você acha? Se acha que eu sei? (Cochichos)

Enma Daioh: CHEGAAA.

Narutards: Glup…

Otaku: Narutards….

Otaku #8002: Enma-sama, como irá funcionar essa seleção?

Enma DaiOh: Hum, é mesmo, bem lembrado #8002. Meu Filho, Koenma, irá continuar, irei para a sala principal. Boa Sorte para todos vocês.

Koenma: A seleção irá ser a partir de um teste de conhecimentos otakus gerais criado pela equipe de funcionários liderados pelo meu ajudante George.

George: Hi.

otaku

Koenma: Será uma prova de 1h, quem não conseguir terminar ou passar no teste irá ser mandado para o inferno. Alguma pergunta?

Narutards: O QUE???

Koenma: Vocês vão para o inferno. Vocês são surdos?

Narutards: ….

Narrador: Na multidão, um braço se levanta.

Koenma: Você lá no fundo, Faça sua pergunta.

Otaku: Koenma, por que seu pai é vermelho e você é branquelo? Sempre me perguntei isso quando eu era vivo.

Koenma: Seu insolente, como ousa fazer tal pergunta. Mas gostei do seu atrevimento, me lembrou do meu antigo detetive que trabalhava para mim. A resposta de sua pergunta é óbvia.

Narrador: A sala estava apreensiva pela resposta que magicamente surgia audível pela chupeta.

otaku

Koenma: Meu pai sempre se esquece de passar Helldown quando vai pro inferno fazer inspeção.

Narutards: … Mas que m…

Enma DaiOh: KOENMA!!!!

Koenma: É hora de parar com a enrolação.

Narutards:….

Koenma: COMECEM.

Risc Risc Risc (Lapis riscando)

Narrador: Assim começa a prova definitiva do nosso Herói Otaku, será que ele vai passar? Será que seu amigo otaku, #8002, vai conseguir acompanhá-lo? Será que foi uma boa escolha ter escolhido George para organizar a prova? E Enma-sama vai finalmente descobrir o protetor infernal? Nós veremos na próxima, quando o escritor parar de atrasar uma semana inteira. XD

Cantinho do Escritor

 

– Hora de sabedoria:

Enma Daioh não é uma divindade xintoista, ele é um deus budista, que junto de outros 9 deuses julgam os mortos, mas o budismo foi influenciado pela Mitologia Hindu, em que nela ele se chama Yama, o regente dos mortos. Deixarei um link da wikipedia para voces verem:

http://en.wikipedia.org/wiki/Enma

– O Ministério da Saúde adverte, não exagere no Mupy, pode ser prejudicial à você e todos a sua volta. Maldito Mupy de Groselha.

– Se você leu esse capitulo antes do prólogo, leia-o também.^^

-Espero que não ocorra mais nada que atrapalhe esta coluna, para a sua e para minha felicidade.

– Até a próxima vez. XD

Comente

Sobre Majin

Majin
Sou um cavalheiro do seculo 19, em um grande corpo como Enma DaiOh, sou barbudo e adoro escrever, um exemplo de pessoa do nosso editorial.

5 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. …Principalmente se for um mupy com dorgas estragado
    GOOD JOB!

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*