Otaku’s Paradise Journey – Prólogo – Morre um heroi, nasce uma Jornada.

“O que existe do outro da vida para nós, otakus? Será que existe um lugar para nós la em cima? Como será Deus? Morgan Freeman? Infelizmente não sabemos, até agora.”

 

Otaku’s Paradise Journey

Prólogo: Morre um herói, nasce uma Jornada.

 

Narrador: Numa cidade qualquer, numa manhã mágica em que os pássaros cantavam aberturas de animes, um otaku fora do comum acorda para o seu primeiro dia na faculdade, onde terá grandes aventuras na sua “vida”.

Otaku Sonhando: ….

Celular: Horário 5:29 AM.

Celular: Horário 5:30 AM Alarme :

Otaku:  Huummm que sonho… eu tinha encontrado o Slam Dunk 31, ~~ que droga, me fez lembrar que não tenho.

Narrador: Ele faz faculdade de manhã, sempre acordava cansado, pois ficava até tarde vendo episódios atrasados. Enquanto ele se arruma para sair, na sua mente, ele lembrava dos episódios que tinha visto no dia anterior.

Otaku: Uhuhuhummm, Sogeki no shima de…

Mãe: Filho!!

Otaku: Umareta Ore waaaa…

Mãe:  Filhooo já são 6:40!!!

Otaku: Hyaaaappatsu Hyaku Chu…

Narrador: Como todo dia, o filho não escutava a sua mãe, despertou nela algo como se fosse um Haki que invés de ser do Rei, era dela mesmo, que invés de fazer desmaiar, o seu grito causava outra coisa…

Mãe: VAI LOGO!!!!!

Otaku: AHH pronto pronto, já to pronto!

Narrador: Então ele foi para a faculdade correndo, mas para ele era como sair para uma jornada para se tornar um mestre pokémon. Mas, no meio do caminho, ele avistou algo extraordinário no meio da rua, seus olhos brilharam intensamente como se o seu cosmo fosse ao infinito.

Otaku: Uhum Ru Ru Rara Ru…. Quero voltar logo para casa, hoje tem o final de Bakuman, . HÃ? UOHHHHHH. Aquilo é o que eu penso? uhoo o 31!! Como no meu sonho.

Narrador: Enquanto ele pegava o mangá precioso, uma corrida que mais parecia um racha de Initial D do Capeta estava acontecendo no local.

Otaku: Nossa tá novinho. Que achado.

Spid Hacer: Sai da frente!!

Narrador: Infelizmente, como carro ainda não podia saltar e bateu no nosso personagem principal, que ficou desmaiado por muito tempo.

Otaku: Onde estou? Mas o que… eu estou me olhando em 3º pessoa?? Que maneiro, parece RPG. Vou dar uma olhada no mangá hehehe… Hã? Meu braço atravessou o mangá? É Ilusão?…. Maldita miragem.

Narrador: Ao chorar sobre o mangá derrubado, uma mulher numa vassoura mágica se aproxima do nosso héroi.

Otaku: Meu corpo não se mexe. Será que eu morri?

???: Olha só, ele é mais esperto que eu pensei, hehehe.

Otaku: Quem é você? Parece um cosplay mal feito da Botan de YuYu.

???: Mais respeito, seu otaku mal criado.

Otaku: Calma ae!! Você é a Botan?

Botan: PinPon, você acertou, muito prazer.

Otaku: O prazer é todo meu. Então você realmente existe…

Botan: É claro, não tá vendo?

Otaku: Bom, se você existe… Quer dizer que todos personagens de anime existem na realidade.

Botan: Todo otaku me pergunta isso. Nós existimos sim, mas cada anime tem a sua dimensão onde os personagens vivem.

Otaku: Eu sabia, eu sabia, sempre pensei nessa possibilidade. Mas porque você está aqui?

Botan: Você é meio lento, heim? Estou aqui para te levar para o plano superior. Voce é um otaku, não?

Otaku: Como voce sabe?

Botan: Pelos bottoms da sua mochila. Uma pessoa que tem o Edward Elric nas costas, se acha que é o que?

Otaku: … Mas então voce só leva otakus para o paraiso?

Botan: Não só otakus, mas personagens também.

Otaku: Então Otakus e personagens compartilham o mesmo paraiso, mesmo sendo de dimensões diferentes????

Botan: Sim, mas antigamente não era assim, mas não sou eu que vou explicar isso. Vamos deixar esse mistério para depois, não vamos desperdiçar tudo no prólogo, não?

Otaku: Não, mas Uhooowww, sempre imaginei isso, nunca pensaria que isso podia ser real. Bom, mas se todos os personagens de anime existem, os shinigamis também não? Eles não fazem esse trabalho também?

Botan: Eles tão em guerra outra vez, apareceu uns caras ai, então eu estou nessa função por enquanto, mas eu também tive que vir para ver você, você morreu por um mangá, foi hilário, kkkkkk.

Otaku: ERA O 31!! Era culpa daquele cara, parecia que tava apostando corrida com o Sonic, caramba.

Botan: Não importa, foi engraçado do mesmo jeito.

Otaku: Tá legal, mas então quer dizer que vou poder ver o Jiraya, Hughes e Gold D Roger pessoalmente?

Botan: O Roger eu não o vejo a muito tempo, mas o Jiraya sempre tá no bar e o Hughes trabalha lá na parte administrativa.

Otaku: Mal posso esperar, que pena que os shinigamis estão em guerra…

Botan: Porquê?

Otaku: Queria a Rukia.

Botan: O que tem de tão especial nela? Todo mundo reclama quando não é a Rukia. Eu sou mais linda que ela. (Também fazendo pose).

Otaku: O traço dela é melhor, o seu é bom, mas não se compara a dela. Culpe o Togashi, mas pelo menos você não foi desenhada desse jeito:

http://www.punchmangas.com.br/leitura/6/hunter-x-hunter/252/#11

Narrador: Que praça heim. Toda detalhada.

Botan: … Mas voltando o assunto, vamos indo? Estamos atrasados para a palestra.

Otaku: Mas, como vamos para lá?

Botan: Na minha vassoura.

Otaku: …. Beeeleza, mas que palestra?

Botan: Para os otakus recém chegados. Não é só você que morre nesse mundo, sabe.

Otaku: Mas é só eu que vou ir de cabo de vassoura.

Botan: Sobe Logo!!!

Narrador: Ambos montados na vassoura, um deles estando desconfortável, voam em rumo ao paraiso. Ele irá conhecer um mundo totalmente novo, que não é o Novo Mundo, mas estará cheia de aventura, comédia, drama, todas as emoções que ele sentirá, seram realidade. Agora começa uma jornada de um otaku no Paraíso.

Otaku Pensamento: To ansioso para saber o que vem pela frente,  o que será que vou conhecer? Vamos de cabeça para essa nova Jornada.

Otaku: UHUU Eu conheci o mundo otaku por querer!!!

 

 

…Prólogo Ends 

Comentários:

– Esse é o post 100 na area de Colunas, isso é algo para se comemorar!!!

– Morrer por um mangá é tenso, não?

– Esperem revelações interessantes nos próximos capítulos. A palestra não vai ser só para ele, mas para nós também.

– No começo, a coluna vai sair toda semana, mas depois irá ser quinzenal para planejamento dos próximos capítulos.

– Até a próxima.

Comente

Sobre Majin

Majin
Sou um cavalheiro do seculo 19, em um grande corpo como Enma DaiOh, sou barbudo e adoro escrever, um exemplo de pessoa do nosso editorial.

5 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. Mano tu misturou tanta coisa que ficou interessante e engraçado, comecei a ler, vou até o final agora. Dica: Deixa um link entre os capítulos pra quem ta começando agora, flw.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*