Pokefreakmon

 

Narrador: Num mundo paralelo chamado DSlandia existem pessoas, essas pessoas podem ser homens ou mulheres, ambos respiram oxigênio…

Goe: Vai logo ao que interessa.

Narrador: Quem é o narrador? Você ou eu?

Goe: Você, mas eu só…

Narrador: shiiiiiiii

Narrador: continuando, nesse mundo os garotos e garotas quando chegam aos 18 anos de idade tiram a licença para usar freakmons. Freakmons são pequenos animais usados em combate para divertir e entreter seus donos, os jovens e seus freakmons saem juntos em jornadas buscando sonhos, conquistas e o mais clich-. O sonho mais comum é se tornar o grande mestre freakmon, é claro.

Goe: Yataaaaaaaaaaaaa, finalmente poderei pegar meu primeiro freakmon e partir em minha jornada, preciso ir logo ao laboratório do doutor Boss! Porque todo mundo nessa cidade faz aniversario no mesmo dia (que coincidência) e se eu demorar ficarei sem.

Mãe: Cuca o café esta na mesa.

Goe: Agora não Mãe, eu tomo depois.

Mãe: Toma o Toddy Bebê.

Goe: Mãe, eu estou sem tempo! Preciso ir ao laboratório do doutor Boss!

Mãe: Toma a porcaria desse Toddy agora!

Narrador: Disse a mãe esbravejando… Até eu tive medo dela.

Mãe: Eu fiz com tanto carinho. ^^

Goe: Ta bom mãe, ta bom T.T

Narrador: Uma hora depois na entrada do laboratório do doutor Boss, o nosso protagonista encontra-se pensando…

Goe: (Droga, eu to atrasado, aposto que não sobro nenhum freakmon pra mim.)

Narrador: E então é despertado de seus pensamentos por passos.

Goe: Com licença, moça.

Secretaria: Pois não?

Goe: Eu gostaria de falar com o doutor Boss.

Secretaria: O doutor Boss está ocupado planejando a do-. Quero dizer, está reunido com seus assistentes, você poderia se sentar e esperar um pouquinho?

Narrador: Mesmo tristonho, nosso querido protagonista senta-se para esperar.

Goe: Acho que não é hoje que eu consigo meu primeiro freakmon. =(

Narrador: Alguns minutos depois…
(Porta abrindo)

Sky: Hm, anime freak show… Pode ser que de certo!
(Porta fechando)

Secretaria: Um minutinho, já irei anunciá-lo.

Goe: (Agora sim, finalmente eu! Irei conseguir meu primeiro freakmon!)

Narrador: Pensava Goe enquanto esperava… Pensamentos bastante empolgados, hein.

Secretaria: Desculpe-me, ele está ocupado.

Goe: Ocupado com que?

Secretaria: Vendo anime, e é melhor não interromper.

Goe: Quer saber? Vou pra casa almoçar! Depois eu volto.

Narrador: Horas mais tarde…

Goe: Vim falar com o doutor Boss!

Secretaria: AH, sim! O senhor pode entrar, ele está esperando.
(Porta abrindo e fechando)

Doutor Boss: Sente-se.

Doutor Boss: O que lhe traz aqui?

Goe: Bom é que eu fiz 18 anos, e eu queria muito ser um mestre freakmon e eu…

Doutor Boss: Você chegou tarde, porque não veio mais cedo? Já entreguei todos os inicias.

Goe: Mas eu vim mais cedo, cheguei aqui às 8 horas! Você estava em reunião então esperei até as 11, e você foi ver anime! Então fui pra casa e agora você vem me dizer…

Doutor Boss: Você está reclamando de que? Quer colocar a culpa em mim? A culpa é sua por não ser perseverante! Você não tem as qualidades de um treinador freakmon.

Goe: Ah, ta bom me desculpe senhor, a culpa foi toda minha.

Doutor Boss: Isso mesmo. Reconheça seus erros.

Goe: Mas, a propósito… Que anime você estava vendo?

Doutor Boss: Estava vendo o final de Pokémon.

Goe: What? Como assim “o final de Pokémon”?

Narrador: Após uma longa conversa cheia de spoilers, doutor Boss finalmente resolve colaborar fazendo aquela pergunta.

Doutor Boss: Já que você é otaku e eu estou de bom humor, irei te dar uma chance. Porém, você terá que assinar esse pequeno contrato simbólico.

Goe: Ok, só me deixa ler ele rapidinho.

Doutor Boss: VOCÊ POR ACASO ESTÁ DUVIDANDO DO MEU CARÁTER?

Goe: Não é isso! É que meu pai me ensinou a sempre ler as coisas antes de assinar.

Doutor Boss: Está bem, leia.

Goe: O que são essas letras miúdas? Não consigo ler elas.

Doutor Boss: Que letras? Não estou vendo nenhuma letra miúda. Edvogado você está vendo algo?

Edvogado: Não, senhor. Eu não estou vendo nada.

Goe: Quando você chegou aqui? De onde você surgiu? Você por acaso é ninja?

Edvogado: Eu fui criado na vila oculta do Pinhão. Sou realmente silencioso, por isso você não percebeu minha presença.

Doutor Boss: ASSINE LOGO!

Goe: Ta bom, ta bom, contrato assinado.

Doutor Boss: Tem aqui o nosso FAQ, com as perguntas freqüentes… Tipo “O que é um freakmon?”, e etc. Se quiser que eu leia, aperte A; se quiser pular essa parte, aperte B.

Goe: hein?

Doutor Boss: QUER EXPLICAÇÃO OU NÃO?

Goe: AH! Não, não. Já sei como funciona.

Doutor Boss: Edvogado, entregue o material pra ele.

Edvogado: Aqui está. Uma agenda pra você fazer anotações de qualquer freakmon desconhecido, tipo raro. Um manual com informações básicas de todos os freakmons até então catalogados e algumas coleiras pra você levar seus freakmons com você. Apenas para lembrar: você só pode levar seis freakmons com você, o resto você manda por e-mail. Tecnologia ajuda bastante.

 Goe: Coleira? Mas como vou andar com seis freakmons na coleira? Não tem outra coisa não?

Edvogado: As coleiras são só para passeio. Para capturar tem essas freakbolas. Ou você pensou o quê? Tanço!

Narrador: Para as pessoas comuns, ou não paranaenses, “tanço” quer dizer alguma coisa parecida com “idiota”, “burro” ou “trouxa”.

Goe: Tá, mas… E o meu primeiro freakmon?

Doutor Boss: Bom que perguntou… Não sobrou nenhum. Por isso te darei essa capivara que nasceu semana passada. Ela não tem nome, fique a vontade para escolher.

Goe: Mas capivaras não são freakmons! Ou são?

Doutor Boss: São sim, elas são tipo o evee. Evoluem de acordo com a pedra que você usar, mas está no contrato que você não pode evolui-la por questões de publicidade.
Capivaras vendem mais que suas evoluções!

Goe: AH bom! Agora entendi.

Doutor Boss: Agora suma da minha frente e VÁ TRABALHAR.

Narrador: E depois disso nosso pequeno herói voltou para casa, dormiu, arrumou a mochila, tomou seu toddynho e partiu em viagem rumo ao primeiro ginásio.

ps: a partir de agora eu irei postar de forma quinzenal as terças feiras (uma sim, uma não).
ps2: irei postar as terças mas não que toda terça sairá a coluna.
(sim, eu tenho o direito de escolha. VIVA A LIBERDADE!!!
ps4: Eu realmente quero um dia fazer uma postagem e colocar apenas uma Troll face nela.
ps5: Alguem já paro pra pensar que nesse exato momento é capaz de estarmos de ponta cabeça?
ps6: quem queria que existissem pokemons diga LoL.
ps7: se eles existissem quais vocês pegariam? diga nos comentarios.
ps8: Um abraço especial a Renata a nova revisora do site que revisou esse texto.
ps9: COMENTEM!!!! se quiserem é claro.
Comente

Sobre Ricky Aguiar

Ricky é um garoto maroto que se tornou estagiário do Site após ter ingerido alguns cogumelos antes de enviar um e-mail pro site. No papel ele foi contratado para ser pauter mas na pratica ele é redator,revisor e postador de face(se é que essa função existe) entretanto a sua maior habilidade é incomodar a Renatinha.

15 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

  1. Ei Sr. Edvogado, não presisava de advertencia, a história ta tão boa. é exagero da sua parte heim
    LOL todos os bem kawaii.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*