Review: Area no Kishi

YYo gakki domo! Aqui é o Hiruma lançando mais uma review para vocês. Hoje falarei de um anime da primeira temporada de 2012. Sim! Essa é a minha indicação da temporada para todos vocês, porém a maior parte dessa review foi baseada no mangá escrito pelo grande Igano Hiroaki. O autor possui muitos pseudônimos como Ryumon Ryou, autor de Blood Monday, e Aoki Yuya, autor de GetBackers, enfim, Kibayashi Shin (seu verdadeiro nome) fez essas obras maravilhosas, ou seja, há muito a se esperar de Area no Kishi (e confesso que minhas expectativas foram muito bem atendidas enquanto lia o mangá xD).

Você já sonhou em ser um grande jogador de futebol como Kaka, Ronaldinho ou, Pelé (pra quem é da época do Seiji)? E se seu irmão fosse esse tão sonhado jogador? Essas indagações e as respostas para elas nos proporcionam uma bela história de paixão pelo esporte e fraternidade que ultrapassa limites.

A história

Area no Kishi é uma obra que nos mostra a história de dois irmãos estudantes do ensino fundamental que têm o sonho de representar o Japão na copa do mundo, Aizawa Suguru, o meio-campista reconhecido como um dos tesouros da próxima geração do futebol japonês, e Aizawa Kakeru, dono de incrível velocidade e grande intuição de jogo, porém ele possui alguns problemas que o levam a desistir do futebol e querer apoiar seu irmão mais velho como um auxiliar técnico do time de futebol do colégio e, futuramente, como técnico e treinador de Suguru na seleção japonesa, no entanto, isso era apenas uma fuga de seus problemas. Na verdade, Kakeru treinava todas as noites num parque próximo a sua casa e não queria ser apenas um auxiliar, mas, devido a um trauma psicológico, não consegue chutar com a perna esquerda, uma falha fatal para qualquer atacante.

Com todo esse cenário armado, eis que surge Mishima Nana, amiga de infância dos irmãos Aizawa que voltou dos EUA e se transferiu para a sala de Kakeru. Ela é uma grande entendedora de futebol e também se junta ao time como auxiliar técnica. Ao mesmo tempo, surge um garoto estranho vestindo uma máscara de ET durante os treinos noturnos de Kakeru e joga com ele até se cansarem, isso faz com que ele se recorde de como ele gosta de futebol criando um laço entre eles proporcionado pelo futebol (Não é lindo? xD).

Durante um treino, um dos jogadores se machuca e fica impossibilitado de jogar, com isso o técnico, com a ajuda de Suguru, decide fazer uma seleção entre os jogadores reservas para testar novas formações e substituir o atacante machucado, dentre eles chama Kakeru, que fica surpreso e furioso com a provocação do irmão para entrar em campo, mas no fundo gosta da oportunidade (Tsundere?). No meio do jogo, Kakeru mostra sua incrível habilidade de previsão recebendo os melhores passes matadores de Suguru, passes que ninguém mais no time conseguia acompanhar, porém, devido a seu trauma, ele não consegue chutar com a perna esquerda e perde várias oportunidades de gol, logo é substituído para voltar as suas atividades de auxiliar.

No outro dia, após uma briga na noite anterior, Suguru tem um sonho que o deixa inspirado e faz as pazes com Kakeru. Suguru sonhou que se tornaria o rei do campo, analogia ao armador das jogadas, e que ele teria um cavaleiro que marcaria os gols para ele e que esse seria o seu irmão. Kakeru, por outro lado, estava querendo largar o time e desistir totalmente do futebol. Durante o caminho para a escola, Kakeru contava suas intenções para Suguru quando, de repente, um caminhão desgovernado sai da pista e atropela os dois irmãos. Os dois recebem ferimentos muito graves e são imediatamente levados ao hospital na companhia de Seven que passava pelo local naquele momento.

Depois de alguns meses de tratamento e recuperação, Kakeru resolve superar seu trauma e tentar ser o cavaleiro da área que seu irmão viu naquele sonho. Ao lado de Seven, ele vai para a escola de ensino médio Enoshima, onde se encontra o melhor armador do Japão segundo as palavras de Suguru. Descobre, porém, que as coisas não são tão boas quanto lhe pareciam antes, pois a escola possui uma política muito rígida de convocação para o time e exclui muitos jogadores que não atendem aos seus “pré-requisitos”. No entanto, o colégio possui dois times de futebol o time Enoshima Sport Club (SC), em que o treinador aplicava as rígidas políticas de convocação, e o Enoshima Futebol Club (FC), em que os excluídos do SC se reúnem, porém a escola não pode ter dois times de futebol no campeonato e, por isso, os dois times se confrontam em um jogo para decidir quem irá representar Enoshima. No meio disso, Kakeru escolhe ir para o FC e tentar quebrar a sequência de vitórias do SC.

Por que ler/assistir Area no Kishi?

Bem… Area no Kishi é uma obra fantástica que se baseia, principalmente, numa história de superação, uma característica muito forte dos animes e mangás que se focam em esportes e criam grandes fãs dos mesmos tanto no Japão, quanto entre os otakus do mundo inteiro (podem me tomar como exemplo xD). Area no Kishi é também uma história de fraternidade, que mostra as relações entre irmãos, os resultados que as feridas nessa relação podem provocar e os seus laços não só de sangue, mas também de amizade.

Sinceramente, acho a arte de Tsukiyama muito comum, não tem muita coisa de inovação, mas mesmo assim é bastante bem feita e agradável, o traço pode gerar uma impressão meio que um pouco infantil (opinião do Cabeça), mas acho que se adequa perfeitamente a história, pois os personagens são crianças e lhe passa a impressão que vai dar tudo certo, sendo que Igano pode levar a história para um rumo trágico gerando, assim, um impacto maior nas reviravoltas na história.

A abertura até agora é a melhor da temporada (minha sincera opinião com apoio do Alch) e deixa uma sensação refrescante assim como as músicas de Bakuman (como diria o Rodz kkk). O anime não possui encerramento, mas a trilha sonora foi muito bem escolhida, e, apesar de não ser grandiosa, atende as necessidades da obra.

Bem… Sinceramente acho que o mangá é bem melhor do que o anime e recomendo que todos leiam, pois no anime foram feitas muitas alterações que, as vezes, mudam algumas cenas, mas o plote principal não foi bastante alterado o que desperta a minha curiosidade a cerca de querer ver o que mudará do anime pro mangá.

Na parte do esporte, eles se comparam bastante com os jogadores brasileiros tendo até referencias a Kaka, e Ronaldinho, pois eram os melhores jogadores na época em que os primeiros volumes foram escritos (na verdade só li até o Volume 5, mas o mangá tem 29 Volumes até agora).

Area no Kishi é um anime de esporte baseado em habilidades esportivas e não em superpoderes, ou seja, os jogos são deixados bastante próximos da realidade (ou seja, não espere alguém lançando um God Hand pra defender a bola), então espere muitos comentários futebolísticos e muitas jogadas mágicas esse é o anime da temporada e espero que todos gostem.

Notas de Rodapé

– Primeiro gostaria de agradecer a galera que comentou minha última review (menos o cara que só falou “KRAUSER-SAMAAAA” que é um fã louco) e continuem comentando, pois é isso que dá uma boa parte da motivação para gente fazer mais reviews

– Qualquer dúvida, crítica, xingamento, elogio (será?), se quiser me matar (Tenha dó!), ou mesmo que seja um comentário só mesmo, ou qualquer outra coisa é só escrever aí embaixo que eu vou tentar responder ou, no último caso, fugir.

– YAA-HAAAAAAAAAAAAAAA!

Comente

Sobre Hiruma

22 Freaks estão discutindo o assunto. Participe Tambem.

Grita Aqui!

Or

O seu Email não será publicado.Campos Obrigatorios estão marcados. *

*